Comissão Especial do Zoneamento será instalada na próxima quinta-feira, 06

A comissão também é formada pelos deputados estaduais Valmir Moretto (vice-presidente), e os membros, Carlos Avallone, Dilmar Dal Bosco e Nininho

O deputado estadual Dr. Eugênio Paiva (PSB), confirmou para a próxima quinta-feira, 06.05, às 14h, a realização da reunião de instalação da Comissão Especial para debater o Zoneamento Socioeconômico Ecológico (ZSEE), na Assembleia Legislativa (ALMT). A presidência dos trabalhos será conduzida pelo parlamentar que terá pela frente a tarefa de conduzir a formatação de uma agenda de diálogo entre a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (SEPLAG) e o setor produtivo.

A comissão também é formada pelos deputados estaduais Valmir Moretto (vice-presidente), e os membros, Carlos Avallone, Dilmar Dal Bosco e Nininho. O grupo ainda terá a participação de técnicos e entidades do setor produtivo, a exemplo do Fórum Agro MT. Segundo o diretor executivo do Fórum, Xisto Bueno, as pautas e deliberações referentes ao zoneamento serão tratadas exclusivamente pela comissão especial, que terá autonomia para deliberar em consenso com o setor.

Entre as pautas de consenso, está a necessidade da elaboração de um novo estudo técnico, com informações atualizadas, que demonstrem as perdas e prejuízos que serão provocados com a restrição das áreas produtivas. Com o zoneamento socioecológico, o Estado prevê a criação de duas áreas de preservação que somam mais de um milhão de hectares, ficando o uso restrito a um raio de até quatro milhões/há a partir da reserva. Entre as regiões mais afetadas estão os Vales do Araguaia e do Guaporé.

“Não somos contrários ao zoneamento ecológico, somos contrários sim, a forma como a proposta está sendo construída. O governo precisa abrir um canal de conversação com o setor produtivo, e precisa estar aberto ao debate, não pode deliberar sozinho. Já falei inclusive ao próprio governador [Mauro Mendes] que estamos trabalhando junto aos produtores e municípios para a elaboração de um novo estudo técnico, com uma proposta de produção sustentável, respeitando a peculiaridade de cada região”, categorizou Eugênio, que se tornou o principal responsável pela articulação de ações ligadas à revisão do zoneamento na Assembleia Legislativa.

A comissão também será responsável pelo acompanhamento permanente de todas as ações relacionadas a formatação do zoneamento, como deliberar sobre as tratativas que deverão ser conduzidas junto ao Governo do Estado, além de participar ao lado do setor produtivo e municípios da elaboração de um novo estudo técnico.

Fonte: Assessoria

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *