Adolescente denuncia que foi estuprada pelo filho do padrasto desde que tinha 4 anos de idade em Sorriso

Entre no grupo do Olhar Cidade no WhatsApp e receba notícias em tempo real CLIQUE AQUI

Acusado, que hoje tem 19 anos, fugiu para a capital de Manaus

Foto: Portal Sorriso

“Eu era estuprada desde que tinha 4 anos de idade e ele me ameaçava de morte”. Esse é um trecho de um bilhete de uma adolescente, de 12 anos, que tomou a coragem de contar para sua mãe o terror que vivia desde muito pequena após o suposto autor do crime ir embora de Sorriso.

Um boletim de ocorrência foi registrado na delegacia de Polícia Civil, nesta última terça-feira (1°), pela mãe da menor. Segundo ela, no bilhete escrito pela menor constava: “ele dizia que iria me matar se eu falasse disso”; “eu tinha muito medo”; “ele me puxava para dentro do quarto, me fazia tirar as roupas e disse que iria me matar se eu contasse”.

Conforme a adolescente, ela foi estuprada pela primeira vez quando tinha 4 anos de idade. Ela acusa o filho do padrasto, que na época tinha 11 anos, e que hoje tem 19.

A vítima contou para sua mãe que o crime ocorria constantemente quando ela e o filho do padrasto ficavam sozinhos em casa. A mãe da adolescente contou que o seu enteado tentou suicídio e, após ter alta do hospital, foi embora de Sorriso para a capital de Manaus, onde mora a mãe biológica dele.

A mãe da menor relata que está preocupada com a saúde psicológica dela, uma vez que a garota tem postado nas redes sociais “Amanhã posso não mais estar aqui”.

O caso está sendo investigado pela Polícia Judiciária Civil de Sorriso.

Fonte: Portal Sorriso

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *