“Eu me sinto traído pela Marinilde, minha secretária de Educação”, diz ex-prefeito Fernando Zafonato

Passado o tempo, os mesmos secretários, agora como candidatos a prefeito e vice-prefeita, utilizaram do problema causado por eles para pedir a cassação do prefeito Fernando Zafonato

Foto: Reprodução Olhar Cidade

Em entrevista ao Olhar Cidade o ex-prefeito de Matupá, Fernanado Zafonato que teve o mandato cassado pelo TSE, devido pagamento de ônibus escolar para os professores do interior em período que antecedia as férias no valor de R$ 5.200,00, ele disse que se sente traído.

Na época, no primeiro mandato de prefeito, Fernando tinha como secretária de Educação Marinilde Dal”Acqua e como secretário de finanças José Aparecido, o Mano, ambos em 2020 disputaram eleição na mesma chapa contra Zafonato e entraram com um processo de cassação da chapa de atos praticados por ambos quando secretários.

A nota de R$ 5.200,00 foi atestada por Marinide e paga por José Aparecido, o Mano, quando apontado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), Fernando ficou a par da situação e chamou os secretários que afirmaram que a situação não traria problemas para ele.

Passado o tempo, os mesmos secretários, agora como candidatos a prefeito e vice-prefeita, utilizaram do problema causado por eles para pedir a cassação do prefeito Fernando Zafonato.

“Eu me sinto traído, peço desculpas para a população, não por que cometi nenhum erro, por que eu não cometi nenhum erro, mas por que eu confiei nas pessoas erradas”, disse Fernando.

Foto: Reprodução

Assista abaixo a entrevista completa.

Fonte: Olhar Cidade Redação

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *