Sem repasses, UTIs de 3 hospitais filantrópicos de Cuiabá param de receber pacientes

A Prefeitura de Cuiabá declarou, por meio de nota, que os repasses federais estão em dia. Federação disse que suspensão ocorre por falta de repasse da prefeitura e estado.

Em 15/01/2018 09:40:00 na sessão Cidades

Foto: Divulgação

Os hospitais filantrópicos Santa Helena, Hospital Geral Universitário (HGU) e Santa Casa de Misericórdia de Cuiabá paralisaram nesta segunda-feira (15) os atendimentos para novos pacientes nas Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs). De acordo com a Federação dos Hospitais Filantrópicos de Mato Grosso (Fehosmt), a suspensão ocorre devido à falta de repasses por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) e também por contrapartidas da Secretaria Estadual de Saúde (SES).

A Prefeitura de Cuiabá declarou, por meio de nota, que os repasses federais estão em dia. Também há previsão de paralisação de serviços nos próximos dias na Santa Casa de Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá.

O Hospital Santa Casa de Misericórdia diz que está sem receber pelos leitos de retaguarda desde março do ano passado e que, por isso, paralisou todos os atendimentos que são realizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Os filantrópicos, de acordo com a federação, são responsáveis por 85% dos atendimentos aos usuários do SUS em Mato Grosso e a maior preocupação é o atendimento à população com qualidade e eficiência.

Ainda de acordo com a entidade houve descumprimento um acordo feito com a bancada federal e o governo de Mato Grosso para a destinação de recursos das emendas parlamentares no valor de R$ 33 milhões aos hospitais filantrópicos.

Fonte: G1 MT



Por Sonia Godinho 15/01/2018 09:40:00

Mais notícias da sessão: Cidades