Casal é preso em Confresa acusado de planejar e executar comerciante de Porto Alegre do Norte

A operação denominou "Entre Laços" devido à grande relação envolvendo as partes, inclusive amorosa.

Em 11/07/2018 07:28:00 na sessão Cidades

Em menos de um mês a Polícia Civil do município de Confresa concluiu as investigações do bárbaro homicídio ocorrido no último dia 14 de junho no bairro Vila 2000 nas proximidades do pátio do Detran. Um casal apontado como responsável pelo crime foi preso pela PJC.

Conforme informações repassadas ao Site Agência da Notícia, durante as investigações a Polícia Civil identificou duas pessoas suspeitas de planejar e cometer o homicídio qualificado. A suspeita Gabriela de Carvalho Silva, 23 anos, é apontada como a mandante do crime.

Gabriela de Carvalho tinha um relacionamento amoroso com a vítima Raimundo Nonato Queiroz Santos o que facilitou a acusada atrair o comerciante até o local do crime. Geison Silva Lucena, 19 anos, foi quem praticou o homicídio a mando de Gabriela.

A vítima teve o rosto desfigurado após ser agredido com várias pauladas na cabeça e inúmeras facadas pelo corpo. Gabriela também mantinha um relacionamento amoroso com Geison e planejou juntamente com o acusado a morte do comerciante.

Também foi cumprido um mandado de prisão temporária contra a investigada E.T.C.D.A, mas durante as investigações, foi descartado a sua participação, inclusive preliminarmente não sabia do que havia ocorrido e, foi induzida pela suspeita Gabriela.

A operação denominou "Entre Laços" devido à grande relação envolvendo as partes, inclusive amorosa, sem conhecimento de alguma das partes envolvidas.

Os presos serão encaminhados para a Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte e para a Cadeia de Nova Xavantina.

Fonte:  Agência da Notícia.



Por Olhar Cidade 11/07/2018 07:28:00

Mais notícias da sessão: Cidades