Policiais cumprem mandado de busca e apreensão na casa de ex-prefeito de Peixoto de Azevedo

O ex-chefe do executivo municipal teve seu mandato cassado quando ainda era prefeito. Ele sofreu acusações de desvio de recursos públicos, contratação ilegal de veículos e contratações sem licitação.

Em 13/03/2019 08:21:00 na sessão Cidades

Na manhã desta terça-feira (12), servidores do Ministério Público de Peixoto de Azevedo (619 Km de Cuiabá) cumpriram um mandado de busca e apreensão na casa de Edmar Heller, ex-prefeito do município (619 Km de Cuiabá).

Segundo informações, a operação se desencadeou após investigações de um possível favorecimento em licitações com a criação de empresas laranjas. O foco da ação é apreender documentos.

O ex-chefe do executivo municipal teve seu mandato cassado quando ainda era prefeito. Ele sofreu acusações de desvio de recursos públicos, contratação ilegal de veículos e contratações sem licitação.

Heller ainda chegou a assumir o posto de secretário de Administração em 2007, quando sua esposa, Cleuseli Heller, era prefeita do município. Na ocasião ele foi preso, acusado de improbidade administrativa (ato ilegal ou contrário aos princípios básicos da Administração Pública no Brasil).

Não há confirmação se um mandado de prisão foi expedido.

Fonte: Publica MT



Por Olhar Cidade 13/03/2019 08:21:00

Mais notícias da sessão: Cidades