Homem embriagado capota carro após sequestrar a própria família e tentar fugir da PM em Peixoto

Em conversa com a polícia a vítima relatou que vem sofrendo constantes ameaças e é abusada sexualmente pelo suspeito. E naquele dia, ele havia ingerido bebida alcoólica e a obrigado, juntamente com o filho a entrarem no veículo sob ameaças de morte.

Em 08/04/2019 08:48:00 na sessão Cidades

Foto: Divulgação/PM

Um homem foi preso por agredir, ameaças e sequestra sua esposa e seu filho na tarde deste domingo (07/04), em Peixoto de Azevedo.

A guarnição da Polícia Militar foi acionada por testemunhas, as quais informaram que um homem identificado como José Ricardo, estaria com seu filho de 3 anos, de refém e que estaria tentando mata-lo atropelado na Av. Brasil no centro da cidade, o qual estaria colocando a criança no meio da rua quando carros passavam em alta velocidade por aquela via.

Diante dessas informações, a guarnição foi até o local, porém ao chegarem, as testemunhas informaram que o homem já havia fugido do local em um veículo Saveiro, de cor branca, levando consigo seu filho e sua esposa.

A polícia saiu em diligências no intuito de localiza-los, onde momentos depois foi informada que o suspeito estaria com os reféns nas proximidades do " Arroz Currió", mas antes da viatura chegar ao local, uma terceira pessoa conseguiu resgatar as vítimas.

Ao avistar a viatura da Polícia, o suspeito empreendeu fuga sozinho, pela BR-163 sentido ao município de Matupá, porém nas proximidades da ponte do rio Peixoto o suspeito veio a perder o controle do veículo, em sequência colidiu com uma placa de sinalização e capotou na beira rio. Mesmo ferido, o suspeito conseguiu fugir entrando na mata.

Em conversa com a polícia a vítima relatou que vem sofrendo constantes ameaças e é abusada sexualmente pelo suspeito. E naquele dia, o mesmo havia ingerido bebida alcoólica e a obrigado, juntamente com o filho a entrarem no veículo sob ameaças de morte.

Na residência do suspeito foi localizado uma arma de calibre 12, de marca Boito de um cano.

O suspeito acabou sendo preso no mesmo dia. Ele foi encaminhado à delegacia de Polícia Civil, onde deverá responder pelos crimes de dano, sequestro, ameaça, lesão corporal, conduzir veículo sob influência de álcool, desobediência e posse irregular de arma de fogo.

Olhar Cidade a Redação



Por olharcidade2@gmail.com 08/04/2019 08:48:00

Mais notícias da sessão: Cidades