Personal trainer é preso após ameaçar ex-mulher em Sorriso; acusado é árbitro da FMF

Segundo o delegado Nilson Farias, que atua em Sorriso, o árbitro mato-grossense é acusado de ameaçar a ex-mulher, que agora namora um policial. Desde o fim do relacionamento, o suspeito estaria atrás da vítima.

Em 13/02/2020 04:40:00 na sessão Cidades

O personal trainer e árbitro assistente da Federação Mato-grossense de Futebol (FMF), Adilson Santos, foi preso na tarde da última quarta-feira (12), na cidade de Sorriso (420 quilômetros de Cuiabá), em decorrência de um mandado de prisão expedido contra ele pelo crime de ameaça contra a ex-companheira. Na ocasião, os policiais também encontraram uma arma de fogo.
 
Segundo o delegado Nilson Farias, que atua em Sorriso, o árbitro mato-grossense é acusado de ameaçar a ex-mulher, que agora namora um policial. Desde o fim do relacionamento, o suspeito estaria atrás da vítima.
 
O crime, segundo o delegado, se enquadrou na Lei Maria da Penha. A ex-mulher já tinha uma medida protetiva contra o árbitro.
 
"Devido à gravidade das ameaças, representei pela prisão preventiva e houve o deferimento pelo Poder Judiciário. Ele possui arma em casa com registro, mas como isso poderia gerar conflito e vidas poderiam ser ceifadas, houve a apreensão. O teor das ameaças era agressivo", disse o delegado.
 
Adilson Santos faz parte do quadro da Federação Mato-grossense de Futebol (FMF) e já atuou em diversos jogos no Estado e também no restante do país.

Fonte: Olhar Direto



Por Olhar Cidade 13/02/2020 04:40:00

Mais notícias da sessão: Cidades